quarta-feira, 10 de outubro de 2018

EDUARDO BISMARK É ELEITO DEPUTADO FEDERAL COM 87.009 MIL VOTOS NO CEARÁ

Empresário Dione Smith ao lado de Eduardo Bismarck - Deputado Federal pelo Ceará, com a maior votação que Aracati já deu a um político, foram mais de 20.000 mil votos
O jovem advogado Eduardo Bismark foi eleito pelo PDT com um total de 87.009 votos. Ele tem 36 anos e é filho do Bismark Maia, prefeito de Aracati, figura bastante conhecida na politica Cearense.

Em Martinópole ele foi o quinto mais bem votado, com 178 votos, ficando abaixo apenas dos candidatos Robério Monteiro, AJ Albuquerque, Moses Rodrigues e Mauro Filho, que tiveram apoio dos políticos tradicionais da cidade. Por outro lado, Eduardo superou alguns figurões, como Leônidas Cristino, Capitão Wagner, Luziane Lins, Heitor Ferrer, José Aírton, Roberto pessoa e outros.

O articulador de sua campanha no Município, Dione Smith - ou Dione Emplacamento, como também é conhecido - considera ter sido uma votação vitoriosa em Martinópole, devido ao fato da campanha ter sido realizada apenas na base do diálogo com os eleitores e sem grande estrutura, diante dos candidatos apoiados pelos grupos que polarizam a politica no Município e região.

Dione Smith agradece aos amigos pela confiança.
*Com informações: Revista Camocim





TCE DIVULGA RELATÓRIOS SOBRE O DESEMPENHO DOS MUNICÍPIOS


Foto: reprodução Tce/CE
O Tribunal de Contas do Estado do Ceará acaba de divulgar relatórios sobre o desempenho das administrações públicas municipais no 1º quadrimestre de 2018. Os documentos foram disponibilizados nesta terça-feira (9) no Portal da Transparência dos Municípios.

Após acessar a referida página, deve-se selecionar um dos 184 municípios e, em seguida, a opção Relatório de Acompanhamento Gerencial e clicar em 1º quadrimestre de 2018

O Reage, como é conhecida a publicação, contém dados de caráter informativo-gerencial e revela, em linguagem acessível, informações que possibilitam análises estratégicas e gerenciais sobre as prestações de contas encaminhadas ao TCE por meio do Sistema de Informações Municipais – SIM.

Tópicos

No conteúdo estão acessíveis tópicos sobre arrecadação tributária, receitas e despesas, aplicação de recursos, prestações de contas, procedimentos licitatórios e Lei da Transparência. Os dados são ilustrados por meio de gráficos demonstrativos gerados a partir do SIM.

Auxílio

Trata-se, sobretudo, de ferramenta de auxílio à gestão municipal, para aperfeiçoar processos de trabalho adotando ações que permitam a manutenção do equilíbrio fiscal, racionalizando gastos e otimizando a aplicação das receitas em áreas essenciais ao interesse da sociedade, como educação, saúde, infraestrutura, e meio ambiente.

E ainda

Assim, o Tribunal sugere que as análises sejam realizadas com o envolvimento de todas as áreas da administração pública, para que possam direcionar ou redirecionar a atuação da gestão, compartilhando e avaliando os resultados divulgados.
Fonte: TCE/CE – via Politika com K



CANDIDATOS APOIADOS PELA OPOSIÇÃO VENCEM ELEIÇÕES EM SENADOR SÁ E SE PROJETA PARA 2020

Foto: reprodução / arquivo pessoal

“Rompemos as correntes, e agora, vamos caminhar para libertação”.  As palavras foram ditas pelo jovem empresário e líder político, Martins Barros Junior, o Bel Júnior, na noite deste domingo (5), em Senador Sá, ao comemorar a votação dos candidatos apoiados por seu grupo nas eleições gerais.

Num comparativo entre os candidatos a deputado federal e estadual apoiados pelo grupo de situação e oposição, no município, a prefeita Regina, (PSD), foi derrotada.

Zezinho Albuquerque (PDT) candidato a deputado estadual e AJ Albuquerque (PDT), candidato a deputado federal, apoiados pelo grupo de Bel Júnior, obtiveram as seguintes quantidade de votos: 1.507 e 1.735 respectivamente. Os candidatos apoiados pela prefeita Regina, Sérgio Aguiar e Robério Monteiro, ambos do (PDT), obtiveram 1.319 e 1.416 votos respectivamente. A maioria foi de 507 votos.
Imagem: Captura de tela/ Blog Blog do Jackson Souza
A votação nas candidaturas proporcionais são utilizados como base para avaliar o panorama político no município. A eleição deste ano é, portanto, um termômetro para a disputa municipal em 2020. O desempenho do grupo de oposição fortaleceu ainda mais o nome de Bel júnior na disputa pela Prefeitura. “Saímos fortalecidos”, avaliou o líder político. Segundo ele, a cada eleição, mais pessoas compreendem e aderem ao seu projeto. “O povo clama por mudança, por renovação. E nós representamos essa vontade popular”, afirma. Bel foi candidato pela primeira vez em 2016, e perdeu por 79 votos de maioria para a vereadora Regina, que disputava a eleição. “Dois anos depois, saímos vitoriosos, tendo nossos candidatos os mais votados”, disse.

Números

No município de Senador Sá estão aptos a votar neste pleito 6.053 eleitores segundo o TRE-CE, desse compareceram as urnas 5.033. Enquanto as abstenções chegaram ao número de 1.017 eleitores, número esse significativo tendo em vista a quantidade já pequena de eleitores em Senador Sá.

Conforme resultado das eleições deste domingo em Senador Sá, em média 895 eleitores escolheram outros candidatos, sabendo ainda que não são da base da prefeita e que podem migrar para o grupo de Bel Jr.

Esse resultado mostra que nas próximas eleições, mesmo havendo 3 candidatos a prefeito, o favoritismo continua sendo do Bel, pois  mesmo havendo três candidatos a deputado apoiados por outras lideranças seu grupo obteve uma vantagem de 507 votos.
Com informações: Blog do Jackson Souza





terça-feira, 9 de outubro de 2018

VEJA QUEM SÃO OS SUPLENTES DE DEPUTADO FEDERAL NO CEARÁ E A ORDEM EM QUE PODEM ASSUMIR MANDATOS


Foram eleitos 22 deputados federais pelo Ceará e os que não foram eleitos nos mesmos partidos ou coligações dos vitoriosos ficam na suplência. Eles podem assumir o mandato, no caso de afastamento dos titulares. Os suplentes exercem mandato na ordem em que foram eleitos. Por exemplo, se sai um deputado do partido ou da coligação, toma posse o suplente mais votado, independentemente de qual parlamentar abre a vaga. Se dois se afastam, o segundo também é convocado.

Confira os eleitos para deputado federal no Ceará e, logo abaixo, os suplentes de cada bloco partidário:

PDT, PTB, DEM, PSB, PRP, PPL   (Vagas: 8)
ELEITOS
MAURO FILHO PDT 157.510
IDILVAN PDT 154.338
ROBÉRIO MONTEIRO PDT 131.275
PEDRO BEZERRA PTB 119.030
DENIS BEZERRA PSB 106.294
ANDRÉ FIGUEIREDO PDT 103.385
LEONIDAS CRISTINO PDT 102.417
EDUARDO BISMARCK PDT 87.009

SUPLENTES
DR. ANÍBAL DEM 78.930
ODORICO PSB 77.308
TOTONHO LOPES PDT 67.763
MOSIAH DO MORONI PDT 53.420
BALMAN PDT 39.888

EM DEFESA DO CEARÁ   (Vagas: 6)
ELEITOS
CELIO STUDART PV 208.854
LUIZIANNE PT 173.777
GUIMARAES PT 173.039
AJ ALBUQUERQUE PP 132.319
JOSE AIRTON PT 74.099
DR.JAZIEL PR 65.300

SUPLENTES
GORETE PEREIRA PR 62.946
CHICO LOPES PCDOB 56.059
RACHEL MARQUES PT 44.080
POLLYANA MACEDO PP 42.750
INÁCIO ARRUDA PCDOB 24.657
ANIZIO MELO PT 6.399

MDB/PHS/AVANTE/SD/PSD/PSC/PODEMOS/PRB   (Vagas: 3)
ELEITOS
MOSES RODRIGUES MDB 128.526
GENECIAS NORONHA SOLIDARIEDADE 113.515
DOMINGOS NETO PSD 111.154

SUPLENTES
RONALDO MARTINS PRB 101.089
ADAIL CARNEIRO PODE 64.089
CABO SABINO AVANTE 47.010
NORMANDO SÓRACLES PSD 28.218
ODECIO CARNEIRO SOLIDARIEDADE 27.452
NICOLLE BARBOSA PSC 17.847

Partido Republicano da Ordem Social   (Vagas: 2)
ELEITOS
CAPITÃO WAGNER PROS 303.593
VAIDON OLIVEIRA PROS 30.392

SUPLENTES
DR. AGRIPINO MAGALHÃES PROS 20.625
JULIERME SENA PROS 20.070
DEUZINHO PROS 14.544
NELHO BEZERRA PROS 12.506
WELLINGTON SABÓIA PROS 7.818
VALÉCIO SOARES PROS 5.238

JUNTOS PARA RENOVAR   (Vagas: 1)
ELEITO 
HEITOR FREIRE PSL - DC / PSL 97.201

SUPLENTES
ROBÉRIO CAVALCANTE DC - DC / PSL 13.809
CORONEL BEZERRA - BEZERRINHA PSL - DC / PSL 13.193
DR. MARCOS PSL - DC / PSL 10.903
JORGE FONTENELLE PSL - DC / PSL 8.419
ERASMO GOMES PSL - DC / PSL 5.280
REGINA VILLELA PSL - DC / PSL 2.988
CORONEL IVAN MACEDO PSL - DC / PSL 2.549
PR CARLOS ALBERTO CRUZ PSL - DC / PSL 2.179

Partido da Social Democracia Brasileira   (Vagas: 1)
ELEITO
ROBERTO PESSOA PSDB 102.470

SUPLENTES
DANILO FORTE PSDB 55.910
RAIMUNDO MATOS PSDB 44.176
VICTOR LUIZ MONTEIRO PSDB 7.139
ARNALDO PSDB 5.743

PRTB - PPS - PATRIOTAS   (Vagas: 1)
ELEITO
JÚNIOR MANO PATRI - PPS / PRTB / PATRI 67.917

SUPLENTES
PRISCILA COSTA PRTB - PPS / PRTB / PATRI 48.041
TOMAZ HOLANDA PPS - PPS / PRTB / PATRI 33.553
ENFERMEIRA ANA PAULA PATRI - PPS / PRTB / PATRI 25.667
ATILA CÂMARA PATRI - PPS / PRTB / PATRI 16.440
MOURA PRTB - PPS / PRTB / PATRI 6.981
*Blog Wilson Gomes


FPM: PRIMEIRO REPASSE DE OUTUBRO SERÁ CREDITADO NESTA QUARTA-FEIRA


As prefeituras recebem nesta quarta-feira, 10 de outubro, o primeiro decêndio do Fundo de Participação dos Municípios (FPM). O montante partilhado entre os Entes será de R$ 2,5 bilhões, já descontada a retenção do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb). O valor transferido apresenta crescimento em relação ao mesmo período do ano passado.

Quando são levados em conta os valores brutos, ou seja, incluindo o Fundeb, o montante do 1º decêndio chega a R$ 3,2 bilhões. De acordo com dados da Secretária do Tesouro Nacional (STN), o 1º decêndio de outubro de 2018, comparado com o mesmo decêndio de 2017, apresentou crescimento de 25,18% em termos nominais, ou seja, levando em conta os valores sem considerar os efeitos da inflação.

Na situação em que o valor do repasse é deflacionado e comparado ao mesmo período de 2017, o crescimento chega a 20,26%, isto é, considerando a inflação do período. A CNM destaca que, do total repassado a todos os Municípios do país, as cidades de coeficientes 0,6, que representam a maioria (2.470 ou 44,36% das cidades), irão receber o valor de R$ R$ 643,8 milhões, ou seja, 20,03% do que será transferido. Outros Municípios do país que possuem coeficientes de 0,8 (594 ou 10,67% das cidades) irão ficar com o valor de R$ 209,1 milhões ou 6,51% do que será transferido.

Alertas e acumulado

A CNM destaca que o 1º decêndio, historicamente, é o maior do mês e representa quase a metade do valor esperado para outubro. A entidade também fez um levantamento do acumulado de 2018 com o FPM. Até agora, o valor total do Fundo tem apresentado crescimento positivo.

O montante repassado aos Municípios desde janeiro até o 1º decêndio de outubro de 2018 indica aumento de 7,74%, em termos nominais em relação ao mesmo período de 2017. Ao considerar o comportamento da inflação, o FPM acumulado do ano de 2018 cresceu 4,10% na comparação com o mesmo período do ano anterior. Por mais que os números indiquem crescimento, a Confederação sempre tem alertado aos gestores a manterem cautela em suas gestões municipais para não serem pegos de surpresa com resultados inesperados do FPM.
Fonte: Agência CNM de Notícias




ELEITOR QUE NÃO VOTOU TEM 60 DIAS PARA JUSTIFICAR AUSÊNCIA


O eleitor que não pôde votar no primeiro turno das eleições e não conseguiu justificar a ausência ainda pode preencher o formulário de justificativa eleitoral pela internet ou entregá-lo pessoalmente em qualquer cartório eleitoral.

Há também a possibilidade de enviar o formulário pelo correio para o juiz eleitoral da zona eleitoral. O prazo para justificar é de até 60 dias após cada turno da votação. Além do formulário, o eleitor deve anexar documentos que comprovem o motivo que o impediu de comparecer no dia do pleito.

Pela internet, o eleitor pode justificar a ausência utilizando o “Sistema Justifica” nas páginas do TSE ou dos tribunais regionais. No formulário online, o eleitor deve informar seus dados pessoais, declarar o motivo da ausência e anexar comprovante do impedimento para votar.

O requerimento de justificativa gerará um código de protocolo que permite ao eleitor acompanhar o processo até a decisão do juiz eleitoral. A justificativa aceita será registrada no histórico do eleitor junto ao Cadastro Eleitoral.

Segundo turno

Quem não votou no primeiro turno e nem justificou não fica impedido de votar no segundo turno, dia 28 de outubro.

Multa

Para regularizar sua situação eleitoral, o cidadão terá de pagar uma multa R$ 3,61 por votação não comparecida. O Tribunal Superior Eleitoral explica que a não regularização da situação com a Justiça Eleitoral pode resultar em sanções, como impedimento para obter passaporte ou carteira de identidade para receber vencimentos, remuneração, salário ou proventos de função ou emprego público.

A não justificativa também pode impedir que o eleitor participe de concorrência ou administrativa da União, dos estados, Distrito Federal e municípios, além de ficar impedido de se inscrever em concurso público ou tomar posse em cargo e função pública.

Eleitores no exterior

No caso dos brasileiros que estavam no exterior no dia da votação, eles também deverão encaminhar o formulário de justificativa pós-eleição e a documentação comprobatória até 60 dias após o turno ou em 30 dias contados a partir da data de retorno ao Brasil. Se estiver inscrito em zona eleitoral do exterior, o eleitor deverá encaminhar o requerimento diretamente ao juiz competente ou ainda entregar nas missões diplomáticas e repartições consulares localizadas no país ou enviar pelo sistema justifica.
Com informações da Agência Brasil





EUNICIO E JUCÁ PERDEM PARA O SENADO E SERÃO INVESTIGADOS EM PRIMEIRA INSTÂNCIA; PRISÃO ESTÁ PRÓXIMA


Depois de seis mandatos consecutivos, o senador Romero Jucá (MDB-RR) foi derrotado nas eleições para o Senado em Roraima. O político ficou em terceiro lugar na disputa, atrás do ex-deputado federal Chico Rodrigues (DEM) e de Mecias de Jesus (PRB).

Com todas as urnas apuradas, Rodrigues conquistou 22,76% dos votos válidos e Jesus 17,43%. Jucá veio logo em seguida, com 17,34%. A diferença de Jesus para Jucá foi de apenas 426 votos.

Já o atual presidente do Senado, Eunício Oliveira (MDB-CE) foi derrotado na tentativa de reeleição para o cargo político. O emedebista ficou na terceira colocação, atrás de Cid Gomes (PDT) e Eduardo Girão (Pros), ambos eleitos com apoio de Ciro Gomes e Haddad, que lideraram no Estado
Fonte: Plantão Brasil